sexta-feira, 4 de abril de 2014

PONTA DE FACA?


É óbvio que é perdoável uma pessoa ter limitações para aprender. Ninguém nasce sabendo, diz o ditado, e todos temos algumas.

O problema é que mesmo as pessoas mais limitadas também tem ego, e muitas vezes não querem admitir que pensaram errado por toda a vida.

As pessoas deviam é cultivar a atitude de aprender, de reconhecer seus erros e procurar corrigi-los.

Mas não! Entram numa neura de que assim se humilham! Que já são senhores de si, e não precisam mudar nada!

Não gostam de ser burras, mas também não fazem muito para melhorar.

Não estou falando de todos, mas estou falando da maioria, das massas, que vive apenas para as coisas básicas: comer, beber, viver, futebol, bbb, religião, etc... 

É um desperdício de humanidade, mas para eles não parece.

Maldita limitação! Ou não! O problema estaria mais na capacidade de processamento...

Para uma pessoa com capacidade média de raciocínio, ter que ganhar a vida nesse mundão frio e assustador, impiedoso e injusto, pode consumir todas as suas forças, não restando muita energia para pensar direito (lembrando que o cérebro consome cerca de 40% de nossa energia).

Triste isso, mas realmente parece ser mais por causa de "hardware" que "software"... uma questão de sorte então!

Como me dói concluir que não adianta tentar educar a todos... um sonho a ponto de ser desfeito.

Lembrei-me bruscamente de Nietzsche. Algo mais ou menos assim:

"Não são as massas, a meta da evolução..."

Sei que não existem metas aparentes na Evolução, mas eu entendi o que ele quis dizer.

Mas ainda vou tentar mais um pouco.

...Semeiam-se vários grãos para vingar algum. (Sem aspas por ser frase minha)

quarta-feira, 2 de abril de 2014

A RELIGIÃO E SUA ALTERNATIVA


A religião indiscutivelmente serve para dar alento, conforto e falsas esperanças aos fracos e aos equivocados.

É óbvio que beneficia à pessoas angustiadas e sem perspectivas, mas na verdade, as pessoas não precisam dessa solução.

O efeito placebo de melhorar o estado geral das pessoas é benéfico, mas tomar remédios também dá o mesmo efeito,  (além de curar de verdade).

Para os desesperados, confusos ou perdidos, fazer análise ou mesmo desabafar com amigos causa o mesmo tipo de alento.

Uma educação secular, onde aprendemos a não existência de espíritos, infernos ou mesmo pecados, retira todo o peso das angústias comuns ao religioso típico, que vive em estado lamentável de expectativas vãs.

Quem realmente ama seu filho, jamais deve comprometer sua vida incutindo religião, seja ela qual for.
O melhor legado a sua prole é uma educação desassustada, que busque sempre a verdade, uma EDUCAÇÃO SECULAR.

Ele crescerá confiante e com moral ilibada, já que fará tudo pelo filtro da razão.

Um pai que ensina o filho a se submeter a entidades e a temer sofrimentos infernais, mesmo que não queira admitir, está sendo um pai cruel.

Se engana esse pai que só vê seu filho crescer e virar um ser humano bom se passar pelo processo de ameaças.

Isso é coisa antiga, que serviu ao homem primitivo, mas que hoje em dia perdeu totalmente o sentido.

Uma criança ensinada a aprender e ser esclarecida, tende a ter moral ilibada e ser amante da verdade, fora os prazeres inerentes a esse método de viver, que é compreender melhor seu ambiente e o mundo, extraindo disso beleza onde muitos nada vêem, graças a um senso refinado adquirido durante a prática do ato de pensar e refletir.

Esse ser humano fica "desprendido" como disse um pastor amigo meu, indicando que o contrário é "estar preso", dependente do crivo de outras pessoas ou de outras filosofias, geralmente retrógradas, como geralmente as religiões o são.

Ame-se, ame a seu filho, ame a seu próximo, ame a verdade: persiga-a, e TODOS serão mais felizes.

A VITÓRIA DA RAZÃO


A VITÓRIA DA RAZÃO
"...toda unanimidade é burra", bem disse Nelson Rodrigues.

95% dos povos é supersticioso ou religioso. POR QUE ELES ESTARIAM CERTOS?

Se pensarmos que as religiões excluem umas às outras, podemos categoricamente afirmar QUE NÃO, A MAIORIA NÃO PODE ESTAR CERTA!

Só podemos concluir que se tiver alguém certo, só pode ser uma minoria... ou ninguém... MAS A MAIORIA NÃO!

Existe um caminho a percorrer, um ciclo a se fechar.

As religiões simplesmente não tem para onde ir: Estão cercadas pelas evidências crescentes das verdades inquestionáveis da ciência e da história.

Uma pressão natural está se acumulando, se propagando pelo meio humano.

Por isso alguns grupos adeptos de dogmas detestam tanto a leitura e o saber, geradores da ciência, do precioso conhecimento acumulado.

Diante de uma realidade cada vez mais carregada de informações cada vez mais disponíveis, o conservadorismo religioso se ressalta naturalmente cada vez mais, como algo encarquilhado e engessado, não mais satisfazendo aos jovens, antenados que eles naturalmente são.

NÃO DÁ MAIS PARA OBRIGAR AOS JOVENS A SE SUBMETEREM A VELHOS CONTAMINADOS! ELES QUEREM (E PRECISAM) SABER LIVREMENTE!

A longa lavagem cerebral que preservou por tantos séculos os memes religiosos no imaginário dos homens está começando a perder efeito...

Cada vez menos mentes se submetem às infantis ameaças de punição para os que ousam. ESTÁ COMEÇANDO A NÃO COLAR!

Até os memes evoluem, e como de praxe, os menos aptos são sufocados pelos novos, mais aptos, alimentados de dados agora óbvios.

Nossa espécie, numa bem vinda etapa anterior, saiu das sombras das cavernas, e agora está pronta para a decisiva etapa de cultivando a luz do conhecimento, banir de vez as sombras que restaram.

Faltam bem poucas gerações para que se reúnam condições para que seja proferida essa frase: A RAZÃO VENCEU!

ENTENDA A EVOLUÇÃO... OU ADMITA QUE NÃO QUER SABER!


ENTENDA A EVOLUÇÃO... OU ADMITA QUE NÃO QUER SABER!


"Há evidências de que a evolução ocorreu? A resposta é sim; as evidências são esmagadoras. Milhões de fósseis são encontrados exatamente nos locais e profundidades calculadas caso a evolução tivesse ocorrido. Jamais foi
encontrado um fóssil que serviu de evidência contra a teoria da evolução: a descoberta de um mamífero
incrustado em rochas mais antigas que os peixes, por exemplo, seria suficiente para refutar o evolucionismo"
(Richard Dawkins - A Improbabilidade de Deus")

A Evolução é fato! Doa a quem doer! Qual o problema de encarar a realidade?

É matéria das escolas, cheia de evidências incontestáveis, BASTA QUERER SABER!

Ignorância pura, mal ler sobre o tema e já sair detonando, divulgando falácias criadas com a intenção de confundir os incautos e tapar o sol com a peneira.

Quem não quer saber do assunto, tudo bem, pois ninguém é obrigado a ter interesse em biologia, ou qualquer outra matéria, mas OUSAR FALAR CONTRA MESMO SEM ENTENDER?

É o cúmulo da ignorância.

Eu JAMAIS contestaria o que não sei, o que não aprendi, ou o que não "entra na minha cabeça".

O que não dominamos, nem temos disposição (ou capacidade) para entender ou aprender, então NÃO DEVEMOS NOS POSICIONAR, e sim nos abstermos.

Mas não é o que acontece com a maioria dos  "debatedores" religiosos que mesmo demonstrando conhecer pouco sobre o assunto, insiste em atacar a biologia estabelecida, divulgando que a evolução não ocorre, e sim que é uma espécie de crença, engano, ou uma farsa científica.

O problema é que os religiosos ficam sem saída, já que a evolução desmonta vários dogmas, tornando seus livros ditos sagrados, imprecisos, ou mesmo mentirosos e obsoletos.

Quem manda construir castelos de vento? Viver de fantasias? Não cultivar atitudes lúcidas? Gostar de ler e tentar entender o mundo?

Falta de interesse? De capacidade? Não importa! Existe uma verdade e grupos que a evitam, E AINDA QUEREM DESTRUÍ-LA!

Um dos "melhores" argumentos dos que desprezam a evolução, é alegar que por exemplo, um olho é algo tão "perfeito", que somente uma inteligência superior poderia tê-lo feito.

Para esses argumentadores, a Teoria da Evolução não explicaria tal maravilha da natureza!

Ora, QUEM DISSE QUE NÃO EXPLICA? JÁ ATÉ EXPLICOU! Basta se inteirar a respeito, sair da ignorância temporária.

Um olho NÃO É PERFEITO! Ele ainda está evoluindo! NADA PAROU!

Ele obviamente não existia nos primeiros organismos, mas MUTAÇÕES minúsculas que não eliminam os seres, terminam ficando neutras ou alterando alguma coisa.

O primeiro micróbio que por mutação, ficou com uma área de seu corpo um pouco mais sensível à luz, já passou a poder diferenciar para onde queria ir, e passou essa característica a seus descendentes.

Esse tosquíssimo princípio de olho terminou sofrendo mais mutações nos descendentes desses seres, e as que foram positivas, MELHORARAM O SENSOR DE LUZ 0,000001%, e assim sucessivamente por MILHÕES de gerações, até o ponto em que já dava para perceber algum vulto aparecendo ao longe, fazendo com que o ser já pudesse fugir de algum predador.

Essa microvantagem na verdade era IMENSA em termos práticos, e possibilitou a sobrevivência de mais seres com essa capacidade, fazendo com que eles passassem para seus filhos sua nova característica 0,00001% mais avançada que a de seu pai "mais cego".

Assim, de degrau em degrau, POR BILHÕES de anos, o olho foi melhorando, entre uma mutação e outra, EM TODOS OS ANIMAIS CONHECIDOS.

A evolução não se importa com o indivíduo, na realidade. Tanto que em animais que passaram a viver em cavernas ou nas profundas da terra ou do mar, O OLHO INVOLUIU.

Mas não foi intencionalmente, e sim porque na escuridão total ele não era mais necessário, e mutações negativas que pioravam o olho, não afetavam mais a vida do animal, e seus filhos podiam herdar essa "desvantagem neutra" normalmente.

Quando os estudiosos analisam a estrutura dos olhos, seja de qual animal for, ele percebe que, longe de ser perfeito, ele é "apenas funcional", um cacho de estruturas "esculpidas" por eras e eras, que "sem querer" terminou ajudando na qualidade de vida de seus portadores.

O grande problema de entender a evolução se resume basicamente a duas coisas:

1-Falta de noção do tempo: NEM OS CIENTISTAS conseguem abarcar a ideia de BILHÕES DE ANOS, quanto mais leigos incautos e de má vontade.

2-Entender que TODOS os seres vivos SÃO MUTANTES, e que basicamente a cada concepção, que afinal é uma coisa física, MICRO ERROS SÃO COMETIDOS.

Esses erros em sua maioria passam despercebidos, mas alguns outros prejudicam o organismo em questão, MAS ALGUNS BENEFICIAM.

Qual o problema de entender isso? NÃO É TÃO DIFÍCIL ASSIM. Que achar que é difícil entender, DESISTA de qualquer debate, e assuma que é bitolado!


NO EXCELENTE DOCUMENTÁRIO "A RAIZ DE TODOS OS MALES" (PROCUREM NO YOUTUBE), RICHARD DAWKINS MOSTRA JUSTAMENTE O ABSURDO DE HAVER TANTAS EVIDÊNCIAS, MAS OS FUNDAMENTALISTAS INSISTEM EM NEGAR (ISSO É IGNORÂNCIA!)

Não adianta dizer que não acredita nisso, pois está comprovado por milhares de evidências, pelos muitos pesquisadores e seus laboratórios, pela biologia molecular e pela coleta de fósseis.

É BOBAGEM uma das afirmações favoritas de quem quer detonar a evolução, que é  a de que não existem fósseis que a comprovem, que "nenhum elo perdido entre o homem e o macaco", por exemplo já foi encontrado.

Desculpem a má palavra, mas É BURRICE dizer que o homem veio do macaco. QUEM DISSE ISSO? Só vejo criacionistas dizerem isso, com a intenção de ridicularizar a evolução.

A ciência diz que o homem e os macacos vieram de um ancestral comum, PONTO.

Na realidade, parece que a vida na terra inteira veio de um ancestral comum, é isso que está evidenciado, em miríades de vestígios. Essa conclusão é praticamente inevitável para a ciência.

O grande salto é quando e como a matéria morta adquiriu vida, com capacidade de reprodução...

O que parece evidente é que a vida é inerente à matéria complexamente arranjada, sem nada que indique uma "energia vital", "sopro divino", "alma" ou qualquer coisa do gênero.

Dentro da matéria já existem forças suficiente para justificar arranjos e interações, que aliados aos bilhões de anos de inter-relação dos materiais contactantes, muitas reações químicas são possíveis, e entre as reações mais interessantes, temos o primeiro elemento arranjado do tipo DNA, porém muito mais simplificado.

Esse protótipo de DNA já é senhor de toda a continuidade possível, bastando para isso apenas tempo, MUITO tempo mesmo, mas ele enfim chegou até nós.

O que parece impossível é o tempo que todo o processo leva. Tempo esse que simplesmente não conseguimos nem imaginar, pois é da ordem de bilhões de anos...

Só para dar o tom da magnitude do bilhão, imaginem a comparação de um milhão com um bilhão:
1.000.000 de segundos = 16.667 minutos = 278 horas = 12 dias = 0,0317 anos
1.000.000.000 de segundos = 16.666.667 minutos = 277.778 horas = 11.574 dias = 31,7 anos

Resumindo: Um milhão de segundos vale por 12 dias, já um bilhão de segundos vale por quase 32 anos!

Agora imagine a evolução numa terra de mais de quatro bilhões de anos? (4.000.000.000 anos!)

É TEMPO PRA CACETE! Nem os maiores sábios, cientistas ou pensadores consegue conceber tamanha escala de tempo.

Felizmente temos a matemática para nos ajudar a colocar na escala essas idéias poderosas.

Nesse link, mostro uma coletânea em meu site com textos meus sobre o assunto e dicas de leituras de experts.

(Pode clicar que vai abrir em outra janela)

E para não dizer que só puxo a sardinha para a minha brasa, acabei de achar esse maravilhoso texto no excelente site HYPERSCIENCE, em português, bastante instrutivo, E OBVIAMENTE MELHOR QUE O MEU.




NÃO TEM DESCULPA! ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS UM DOS ASSUNTOS MAIS FASCINANTES E QUE AJUDA A NOS EXPLICAR.